ANÁLISE E APLICAÇÃO DE PROPOSTAS DE ENSINO E DE EXPERIMENTOS, SEGUNDO OS MATERIAIS DIDÁTICOS DE QUÍMICA

Ir em baixo

ANÁLISE E APLICAÇÃO DE PROPOSTAS DE ENSINO E DE EXPERIMENTOS, SEGUNDO OS MATERIAIS DIDÁTICOS DE QUÍMICA

Mensagem  Andre Pinho em Ter 01 Set 2009, 13:36

ANÁLISE E APLICAÇÃO DE PROPOSTAS DE ENSINO E DE EXPERIMENTOS, SEGUNDO OS MATERIAIS DIDÁTICOS DE QUÍMICA
Nome dos autores: Ligia Catarina Mello, Graziela Richetti e Dilma Maria De Oliveira Marconi
Apresentador: Ligia Catarina Mello e-mail:ligia.mello@yahoo.com.br
Linha de Trabalho: Experiências Curriculares

A importância das atividades experimentais no ensino de ciências tem sido discutida nos últimos anos e as novas tendências procuram enfatizar características que apontem para uma abordagem sociocultural, contribuindo para a superação de crenças tradicionais sobre o papel da experimentação. Recomenda-se, também, que os cursos de formação de professores de ciências enfatizem os pressupostos da aprendizagem interacionista. É necessário, então, ter como objetivo a aprendizagem favorecida pela mediação, permeada por ferramentas culturais como o diálogo crítico, a leitura e a escrita. Cabe ao professor propor desafios aos seus alunos, contextualizando conteúdos e coletando dados por meio de diferentes instrumentos.
Dentre os recursos que podem favorecer a explicitação do conhecimento do aluno, pode-se utilizar textos informativos, indagações sobre fenômenos ocorridos, previsões sobre alguma atividade experimental e discussões de temas de interesse dos educandos. Essas iniciativas demonstram que a construção de argumentos não precisa se reduzir à dimensão individual, da mesma forma que as atividades experimentais não devem se restringir ao espaço da sala de aula.
Tais características, aplicadas ao ensino de química, são enfatizadas nas determinações dos Parâmetros Curriculares para o Ensino Médio (PCNem) e Parâmetros Curriculares Nacionais+ (PCN+), para a área de Matemática, Ciências e suas tecnologias. Esses documentos servem como instrumento relevante para a formação científica e tecnológica do aluno, visando a superação da simples aprendizagem de fatos, leis e teorias. Nesse aspecto, vale enfatizar que os discursos oficiais, apropriando-se dessa concepção, têm influenciado de maneira significativa as práticas educacionais, principalmente por meio dos livros didáticos. Particularmente, os livros didáticos de química para o ensino médio caracterizam-se como textos de grande circulação em sala de aula, que atuam no processo de transmissão do conhecimento e servem de norteadores das práticas de muitos professores. Destaca-se, portanto, o seu papel na homogeneização dos conceitos, conteúdos e metodologias Por outro lado, a partir das novas diretrizes curriculares para o ensino médio, têm sido editados livros didáticos de química que buscam questionar aspectos da vida cotidiana dos alunos, valorizando uma abordagem temática e contextualizada de tópicos e conteúdos disciplinares.
O Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Santa Catarina (CA/UFSC) é um espaço de ensino e aprendizagem, que busca a consolidação de propostas pedagógicas inovadoras. Professores de Química atuam na perspectiva de desenvolver metodologias diferenciadas, discutir propostas de abordagem para o ensino de química e avaliar a importância da experimentação e dos materiais didáticos destinados ao ensino médio. No âmbito institucional, contribuem para a formação inicial, através de intercâmbios com o curso de Licenciatura em Química da UFSC. Acrescenta-se que, nos últimos anos, os professores de Química do CA vêm realizando trabalhos de pesquisa e extensão, em parceria com a disciplina de Instrumentação para o Ensino de Química, com o intuito de aprofundar discussões e estimular o planejamento e execução de projetos de ensino, visando a abordagem temática do conhecimento químico.
Neste trabalho realizou-se um relato a respeito da adequação e utilização de diferentes instrumentos didáticos, quando da abordagem temática de tópicos de Eletroquímica nas segundas séries “A”, “B”, “C”e “D”, do ensino médio, do CA/UFSC. Dessa forma, a análise e seleção de recursos, presentes nos livros didáticos selecionados, serviram de suporte para as atividades programadas. A problematização do conhecimento precedeu a abordagem de conteúdos. Foram realizadas leituras de pequenos textos durante as aulas teóricas e, no início das aulas experimentais, foram introduzidas “questões para pensar”, com discussão de situações do cotidiano, envolvendo problemas reais, como a corrosão dos metais, o consumo e conservação dos alimentos e a utilização, descarte e toxicidade de pilhas e baterias.
Dentre as estratégias utilizadas destacamos: discussão do texto “A vitamina C como agente redutor”; realização da atividade demonstrativa “Maçãs especiais” e atividades experimentais “Experimentos utilizando comprimido de vitamina C” e “Potenciais de eletrodo, uma medida arbitrária” De acordo com os objetivos intrínsecos ao desenvolvimento de conceitos formais e visando a realização de aulas de Química mais interessantes e motivadoras, procedeu-se à escolha de material didático que possibilitasse, entre outros aspectos, a ampliação gradativa de conceitos, evitando a fragmentação do conhecimento; a adequação da linguagem e da nomenclatura, ao nível cognitivo dos alunos e a ênfase na interpretação de informações e dados, em detrimento da valorização da simples memorização. Foram utilizados os livros didáticos: MORTIMER, E. F.; MACHADO, A. H. Química para o ensino médio: volume único. São Paulo, Scipione, 2002; NOVAIS, V. L. D. de. Química. São Paulo: Atual, volume 1, 1999; FONSECA, Martha Reis Marques da. Interatividade química: cidadania, participação. São Paulo: FTD, volume único, 2003. Para complementar o material didático, também foram selecionados artigos da Revista Química Nova na Escola, da Sociedade Brasileira de Química (SBQ): MARCONATO, J.C.; BIDÓIA, E.D. Potencial de eletrodo: uma medida arbitrária e relativa. Química Nova na Escola, 17, p. 46-49, 2003.; FIORUCCI, A. R., SOARES, M. H. F. B., CAVALHEIRO, E. T. G. A importância da vitamina C na sociedade através dos tempos. Química Nova na Escola, 17, p. 03-07, 2003.
Tendo em vista as possibilidades que o Plano Político Pedagógico do CA/UFSC oferece, para o planejamento anual das disciplinas, os professores dispõem de flexibilidade para elaborar o seu próprio plano de trabalho. Dessa forma, o mesmo pode planejar diferentes estratégias inovadoras para suas aulas, buscando relações com outras áreas do conhecimento ou com temas do cotidiano, propiciando uma reflexão sobre assuntos ligados à cidadania.
O planejamento das atividades, desenvolvidas nessa proposta, compreendeu quatro etapas: (1) preparação das aulas teóricas (2) seleção de textos motivadores, incluindo assuntos do cotidiano e do interesse dos alunos.(3) Pesquisa de materiais para elaboração de aulas experimentais (4) seleção de exercícios e questões para discussão para a avaliação dos conteúdos.
Na etapa 1 utilizou-se como referencial os volumes 1 e 2 da coleção Química, de autoria de Vera Novais. A opção por esse livro foi devido à forma como os conteúdos estão distribuídos, buscando facilitar a aprendizagem de conceitos e oferecendo a oportunidade para introdução de novos assuntos a partir de conhecimentos prévios dos alunos.
Para as etapas 2 e 3 o material consultado foi o volume único da obra Química para o ensino médio, de Eduardo Mortimer e Andréa Machado, além dos artigos já citados, da revista Química Nova na Escola. Tanto o livro quanto os artigos selecionados propõem a abordagem temática de conteúdos de química no ensino médio e seguem várias recomendações dos PCNem. Dessa forma, esses autores procuram tratar de temas fundamentais para a construção de uma base conceitual que possibilite um aprendizado de forma contextualizada, buscando articular a construção do conhecimento químico e sua aplicação a problemas sociais, ambientais e tecnológicos. Ao fazer essa opção, teve-se como objetivo o ensino da química como forma, inclusive, de propiciar um contato mais próximo com a cultura científica em geral.
Para o conjunto das avaliações, foram selecionados exercícios dos livros de autoria de Vera Novais e Martha Reis, além de questões discursivas sugeridas no livro de Eduardo Mortimer e Andréa Machado. Nessa etapa, as questões selecionadas relacionaram o aprendizado da matéria com assuntos de interesse geral, fornecendo ao aluno a oportunidade de aprofundamento efetivo do conteúdo.
As atividades descritas foram organizadas com o objetivo de proporcionar discussões em grupo, favorecendo a explicitação do conhecimento de cada participante. As situações de aprendizagem oportunizaram momentos em que os sujeitos envolvidos trocaram idéias sobre fenômenos reais, associados a aspectos teóricos e representacionais. Os resultados foram obtidos a partir da análise qualitativa de materiais como textos, relatórios de atividades experimentais e avaliações escritas, em grupo e individuais.
Verificou-se que houve aprendizagem, com melhora gradativa no rendimento em geral. O professor, como mediador do processo de ensino-aprendizagem, utilizou estratégias de ensino voltadas para o diálogo em sala de aula e o desenvolvimento da autonomia e capacidade de reflexão dos alunos. Salientamos, também, que os materiais utilizados nessa pesquisa, ao incorporarem algumas das determinações defendidas no PCNem, desempenharam funções importantes, tanto no que se refere ao conteúdo disciplinar, quanto no que concerne a educação para a cidadania.
Conclui-se, portanto, que o conjunto de procedimentos adotados nesse trabalho possibilitou a introdução de formas de abordagem diferenciadas, promovendo inter-relações entre conteúdos formais de química e aspectos reais do contexto do aluno. Além disso, a dinâmica adotada, mesclando diferentes procedimentos e inserindo o conhecimento no ambiente da sala de aula, resultou no surgimento de uma nova visão sobre o papel da ciência. e da experimentação, com a possibilidade de superação, por parte dos indivíduos envolvidos, de algumas crenças tradicionais que podem comprometer a aprendizagem de conteúdos.
avatar
Andre Pinho
Admin
Admin

Mensagens : 148
Pontos : 372
Reputação : 0
Data de inscrição : 26/03/2009
Idade : 34
Localização : Rio Grande

Ver perfil do usuário http://www.fnquimica.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum